Desde a Convenção de Viena, existe um sistema de garantia quanto à previsão convencional de obrigações para terceiros.

Essa garantia impõe que,