A imposição tributária por parte do setor público possui fortes repercussões macro e microeconômicas, razão pela qual os estudiosos das finanças públicas vêm, crescentemente, por meio do desenvolvimento de modelos econômicos testados empiricamente, definindo formas de tributação mais adequadas a diferentes objetivos econômicos.

Nesse contexto, julgue o item seguinte.

A aplicação do enfoque do benefício à questão da tributação, ainda que teoricamente defensável, esbarra na possibilidade de mensuração dos benefícios via preço, aliada ao aspecto de que sua eventual aplicação, ainda que pudesse trazer benefícios alocativos, estimularia a prática das políticas fiscais redistributivas e estabilizadoras.