Clareamento Dental

            Paciente de 30 anos de idade procurou atendimento odontológico queixando-se de sensibilidade dentinária exacerbada. O exame clínico e radiográfico mostrou boa higiene oral, dentes clareados recentemente, sem lesões cariosas retração gengival na região de molares e pré-molares.

Considerando o caso clínico apresentado, julgue o item a seguir.

A hipersensibilidade pode ter sido desencadeada pela utilização de agente clareador sobre superfícies radiculares.

            Um paciente com 30 anos de idade procurou atendimento, queixando-se de dentes amarelados que lhe desagradavam do ponto de vista estético. No exame clínico, observou-se que havia restaurações de classes III e IV de Black nas faces proximais dos dentes anteriores, onde não havia discrepância entre a cor da restauração e a cor dos dentes, apresentando, do ponto de vista clínico, boa adaptação marginal e contorno adequado. Verificou-se, também, no exame clínico exposição das raízes devido a retração gengival presente em todas as faces vestibulares dos dentes. Entretanto, não havia sensibilidade dentinária nem presença de erosão ou abrasão. O exame radiográfico não apresentou alterações. A anamnese revelou que o paciente fumou durante 10 anos, tem hábito de tomar café várias vezes ao dia e toma diariamente vinho tinto.

Em face do quadro clínico acima, julgue o item a seguir.

É possível a melhoria da condição estética com o clareamento externo.

            Um paciente com 30 anos de idade procurou atendimento, queixando-se de dentes amarelados que lhe desagradavam do ponto de vista estético. No exame clínico, observou-se que havia restaurações de classes III e IV de Black nas faces proximais dos dentes anteriores, onde não havia discrepância entre a cor da restauração e a cor dos dentes, apresentando, do ponto de vista clínico, boa adaptação marginal e contorno adequado. Verificou-se, também, no exame clínico exposição das raízes devido a retração gengival presente em todas as faces vestibulares dos dentes. Entretanto, não havia sensibilidade dentinária nem presença de erosão ou abrasão. O exame radiográfico não apresentou alterações. A anamnese revelou que o paciente fumou durante 10 anos, tem hábito de tomar café várias vezes ao dia e toma diariamente vinho tinto.

Em face do quadro clínico acima, julgue o item a seguir.

Devido a exposição de áreas radiculares, é recomendável que se dê preferência ao clareamento caseiro com peróxido de carbamida 10%, 15% ou 20% e, na confecção da moldeira, atenção especial deve ser dada para reduzir o contato do gel com a superfície radicular exposta.

            Um paciente com 30 anos de idade procurou atendimento, queixando-se de dentes amarelados que lhe desagradavam do ponto de vista estético. No exame clínico, observou-se que havia restaurações de classes III e IV de Black nas faces proximais dos dentes anteriores, onde não havia discrepância entre a cor da restauração e a cor dos dentes, apresentando, do ponto de vista clínico, boa adaptação marginal e contorno adequado. Verificou-se, também, no exame clínico exposição das raízes devido a retração gengival presente em todas as faces vestibulares dos dentes. Entretanto, não havia sensibilidade dentinária nem presença de erosão ou abrasão. O exame radiográfico não apresentou alterações. A anamnese revelou que o paciente fumou durante 10 anos, tem hábito de tomar café várias vezes ao dia e toma diariamente vinho tinto.

Em face do quadro clínico acima, julgue o item a seguir.

O uso do clareador acarretará necessidade de reavaliação das restaurações existentes, pois, provavelmente, ao final do tratamento clareador, elas estarão com a cor discrepante.

            Um paciente com 30 anos de idade procurou atendimento, queixando-se de dentes amarelados que lhe desagradavam do ponto de vista estético. No exame clínico, observou-se que havia restaurações de classes III e IV de Black nas faces proximais dos dentes anteriores, onde não havia discrepância entre a cor da restauração e a cor dos dentes, apresentando, do ponto de vista clínico, boa adaptação marginal e contorno adequado. Verificou-se, também, no exame clínico exposição das raízes devido a retração gengival presente em todas as faces vestibulares dos dentes. Entretanto, não havia sensibilidade dentinária nem presença de erosão ou abrasão. O exame radiográfico não apresentou alterações. A anamnese revelou que o paciente fumou durante 10 anos, tem hábito de tomar café várias vezes ao dia e toma diariamente vinho tinto.

Em face do quadro clínico acima, julgue o item a seguir.

Como o paciente já parou de fumar, não há necessidade de orientações adicionais acerca da influência de hábitos na longevidade do clareamento.